O homem promotor da igualdade

0

Começa já amanhã o segundo encontro O Homem promotor da igualdade, organizado pela associação Quebrar o Silêncio. Entre 15 e 17 de novembro, o ISCTE vai ser palco de painéis como Heteronormatividade e Cisnormatividade, Parentalidade e Masculinidades Cuidadoras, As várias dimensões de ser homem. Haverá ainda espaço para workshops como ‘Princesas da Disney – esterótipos e papéis de género nos contos tradicionais’ ou ‘Como quer ser tratadx- workshop de linguagem inclusiva’.

Presenças confirmadas na conferência estão Rosa Monteiro, Secretária de Estado para a Igualdade, Vânia Beliz, sexóloga, Clara Sottomayor, Juíza do Tribunal Constitucional, Gary Baker, fundador do MenCare, um movimento global de envolvimento dos homens no papel de cuidadores e Hjálmar G. Sigmarsson, conselheiro de vítimas de violência sexual na Islândia.

O Homem promotor da igualdade tem como subtítulo ‘Homens e mulheres lado a lado pela igualdade de género’. O programa pode ser consultado inteiramente no site do evento e a entrada é gratuita mas mediante inscrição.

 

Artigo anteriorCartas de amor e de guerra
Próximo artigoHistória de um site
Carla Macedo nasceu em 1979 e nem acredita que já passou tanto tempo. É jornalista desde 2001, feminista desde os 8 anos, quando teve uma epifania na missa. Esteve envolvida na criação do site Delas.pt, do qual foi editora executiva até ao verão de 2018. Conduziu entrevistas na rádio TSF a mulheres que se destacam em diferentes áreas, no programa Conversas Delas. Na LuxWoman, foi chefe de redação, na Máxima Interiores, também. Colaborou com a Evasões, a Volta ao Mundo (sim, sim, adora viajar!), a Notícias Magazine, a Sábado e muitas mais. Fez televisão para uma produtora, mas os programas nunca foram para ar – danos colaterais da crise! Licenciou-se em Línguas e Literaturas Modernas, começou no jornalismo numa revista de carros, a Frota, ainda antes de acabar o curso, fez o CENJOR e depois um curso de Jornalismo Multimédia. É casada. Tem dois filhos, um rapaz e uma rapariga. Igualdade em casa é coisa que não falta.

Deixe um comentário. Os comentários anónimos ou que contenham insultos serão apagados.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.