O livro The Myth of Meritocracy, de James Bloodworth (simultaneamente ex trotskysta e colunista da revista de direita The Spectator), de 2016, dá algumas pistas pertinentes para começarmos a indagar aqui e ali se de facto vivemos em sociedades meritocráticas. Hei de regressar a este livro, mas fica já a recomendação. É pequeno, tem uma bonita encadernação (faz parte de uma coleção que se pretende provocadora da Biteback Publishing – nome adequado, certo?) e a leitura é escorreita e agradável.

Partilhar:

Like this:

Like Loading...
%d bloggers like this: